Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 21 de maio de 2010

COMO FAZER UM PROJETO DE PESQUISA- MODELO

FACULDADE ....
COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO


PRÉ-PROJETO DE PESQUISA


NOME:
E-MAIL:
TELEFONES:
ÁREA PRINCIPAL ESCOLHIDA:
Exemplo: Sociologia da educação, Psicologia da aprendizagem, História da educação.
PROFESSOR ORIENTADOR:
Prof. ou Profª. Nome Completo. Se o orientador tiver título de mestre ou doutor, antes de seu nome deve-se inserir MSc. ou Dr., respectivamente.

TÍTULO (E SUBTÍTULO, SE HOUVER):

1 INTRODUÇÃO:
A introdução deve apresentar o tema da pesquisa (qual é o objeto de estudo) com sua delimitação, ou seja, deve ser circunscrito tanto espacial como temporalmente. Recomenda-se que a escolha do tema seja feita a partir da familiaridade ou interesse com o tema ou situação, que o assunto seja significativo e adequado ao interesse, ao nível de formação e às condições do pesquisador. (ROESH, 1996).
A questão ou questões de pesquisa deve(m) vir em forma de pergunta, relacionada(s) ao tema do trabalho. Um problema é uma situação não resolvida (GIL, 1994), mas também pode ser a identificação de oportunidades até então não percebidas e pode ser definido a partir da observação (vivência do aluno em seu ambiente de trabalho), da teoria (vivência acadêmica, controvérsias teóricas, leitura de um artigo), ou de um método/instrumento que se queira testar.

2 OBJETIVOS
2.1 OBJETIVO GERAL: define, de forma sintética, o propósito do trabalho, o que se pretende alcançar. Deve ser redigido com o verbo no infinitivo, de forma clara e compreensível, normalmente em um único parágrafo.
2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS: desdobramento do objetivo geral e dão idéia de como o trabalho será desenvolvido, pois operacionalizam e especificam como se pretende alcançar o objetivo geral. Exemplos de verbos para formular os objetivos geral e específicos:
Descrever; pesquisar; relacionar; conceituar; construir; analisar; demonstrar; desenvolver; estudar; apresentar; enumerar; diferenciar; contextualizar; aplicar; esquematizar; comparar; questionar; introduzir; elucidar; explicar; contrastar; discutir.

3 JUSTIFICATIVA: (razões para a realização da pesquisa e escolha do tema)
Quanto à importância: importante para quem? As razões podem ser pessoais, acadêmicas, profissionais (relacionadas aos objetivos da empresa, ao bem-estar dos empregados), sociais e ambientais.
Quanto à oportunidade: alguns projetos tornam-se mais ou menos apropriados em determinado momento.
Quanto à viabilidade: para evitar desapontamentos futuros, é essencial refletir sobre a viabilidade do trabalho nesta fase. Projetos muito complexos que requerem implementação demorada, devem ser evitados. Alguns projetos são viáveis para determinados tipos de organizações e inviáveis para outras.

4 HIPÓTESES(S) (opcional)

Trata-se de uma resposta provisória ao problema da investigação. Deve ser elaborada a partir de fontes diversas, tais como a observação, resultados de outras pesquisas, teorias ou mesmo intuição. Deve ser específica, direta e ter conceitos claros.

5 METODOLOGIA
Como a pesquisa será realizada? Nesta parte do projeto, deve-se indicar como o trabalho será desenvolvido, descrever os instrumentos que se pretende utilizar para a coleta de dados, os procedimentos a serem adotados para a investigação científica, o plano de análise dos dados, ou seja, todos os procedimentos necessários ao desenvolvimento da pesquisa devem ser especificados. Também se deve indicar o tipo de pesquisa: pesquisa bibliográfica; estudo de caso, pesquisa documental, trabalho de campo, etc. Caso se pretenda desenvolver pesquisa de campo, deve-se descrever o campo de observação, a população, a amostra e sua estratificação e o local da pesquisa.

6 CRONOGRAMA

ATIVIDADES 2008
AGO SET OUT NOV DEZ
Pesquisa bibliográfica • • •
Coleta de dados • •
Escrever o artigo • •
Conclusões •
Entrega •


Segundo o modelo acima, o cronograma pode ser apresentado em forma de tabela. Diz respeito às atividades futuras que serão desenvolvidas pelo pesquisador. Deve-se separar as atividades, indicando-se uma previsão de tempo que será necessário para realizá-las.
REFERÊNCIAS - de acordo com a ABNT (NBR 6023, 2002).

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1994.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. São Paulo: Atlas, 1999.

ROESH, S. Projetos de estágio do curso de administração: guia para pesquisas, projetos, estágios e trabalhos de conclusão de curso. São Paulo: Atlas, 1996.



APÊNDICE A – Regras de apresentação do pré-projeto de pesquisa para os cursos de Pós-Graduação da Faculdade São Luís de França


O apêndice, tal como o anexo, são elementos opcionais. O apêndice para elementos elaborados pelo próprio autor e o anexo para materiais de autoria de terceiros. “São identificados por letras maiúsculas consecutivas, travessão e pelos respectivos títulos. Excepcionalmente, utilizam-se de letras maiúsculas dobradas, na identificação dos apêndices, quando esgotadas as 23 letras do alfabeto” (NBR 6022, 2003, p. 5).

1 Geral. Papel branco, formato A4 (21 cm X 29,7cm). Fonte Times New Roman, tamanho 12. Nas citações de mais de três linhas, notas de rodapé, paginação e legendas das ilustrações e tabelas: fonte 10.

2 Margens. Esquerda e superior: 3 cm; direita e inferior: 2 cm. Nas citações com mais de três linhas: recuo de 4 cm da margem esquerda.

3 Espacejamento. Espaço 1,5 entrelinhas. Já as citações de mais de três linhas, as notas e as referências devem ser digitados em espaço simples. As referências, ao final do trabalho, devem ser separadas entre si com por espaço duplo.

4 Paginação. Todas as folhas, a partir da segunda página devem ser numeradas em algarismos arábicos, no canto superior direito da folha, a 2 cm da borda superior. Havendo apêndice ou anexo, suas folhas também são contadas e numeradas de forma contínua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Windows Live Messenger

ENTRETENIMENTO

COMPORTAMENTO

Loading...

BEM VINDOS

BRASIL

glitters